Após 4 horas de negociações, homem liberta ex-enteada e se entrega em Nova Santa Rita

Por Jornal O Sul

Um homem de 37 anos, identificado pela Brigada Militar como T. A. F., manteve a filha da sua ex-namorada refém, sob a mira de uma arma de fogo, por mais de quatro horas, no bairro Califórnia, no município de Nova Santa Rita, Região Metropolitana de Porto Alegre. Ele estaria inconformado com a separação e, durante as negociações com a polícia, pedia a todo momento a entrada da ex-companheira na casa. Inicialmente, as três ex-enteadas estavam em cárcere privado, mas, após negociações, o indivíduo foi liberando as crianças, restando apenas uma na residência junto a ele.

 A reportagem do portal O Sul acompanhou as horas de negociação entre as equipes da Brigada Militar, incluindo o Batalhão de Operações Policiais Especiais, e o homem, que estava armado e nervoso, de acordo com o comandante do Comando de Policiamento da Região Metropolitana (CPM), coronel Otto Rosa Amorim. “Ele está armado, ele sabe que tem uma menina de 12 anos e o objetivo dele é a mãe dessa menina. Isso nos preocupa”, disse Amorim, durante as negociações. O comandante ainda revelou que era possível ouvir gritos da última refém, o que preocupava a polícia.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *