Detentos com Covid-19: Justiça interdita Presídio Central de Porto Alegre

Três detentos do Presídio Central de Porto Alegre estão com a Covid-19. Em função deste aumento de infecções, a Vara de Execuções Criminais da Justiça interditou a casa prisional pelo período de 15 dias.

A maior cadeia pública do estado abriga 4.160 presos em um espaço projetado para 1.800, o que proporciona aglomerações. Com os novos casos de Covid-19 entre detentos, a Justiça proibiu a entrada de novos presos na cadeia.

Agora, detentos devem evitar contato entre as galerias e com funcionários do local. E os infectados passarão por isolamento. No fim da tarde desta quarta-feira (22), representantes penitenciários e gestores estaduais se reuniram para informar um parecer final da situação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *