Em nome da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia pede desculpas à China por ataque de Eduardo Bolsonaro

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), pediu desculpas à China, na madrugada desta quinta-feira (19), pela declaração do deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), que responsabilizou o país asiático pela disseminação do coronavírus pelo mundo.

“Em nome da Câmara dos Deputados, peço desculpas à China e ao embaixador @WanmingYang pelas palavras irrefletidas do deputado Eduardo Bolsonaro”, escreveu Maia em uma rede social.

O filho do presidente Jair Bolsonaro disse na quarta (18) que a “culpa” pela crise do coronavírus é da China. “Quem assistiu Chernobyl vai entender o q ocorreu. Substitua a usina nuclear pelo coronavírus e a ditadura soviética pela chinesa. […] +1 vez uma ditadura preferiu esconder algo grave a expor tendo desgaste, mas q salvaria inúmeras vidas. […] A culpa é da China e liberdade seria a solução”, publicou Eduardo em uma rede social.

Em resposta, o embaixador da China no Brasil, Yang Wanming, repudiou a publicação do deputado e exigiu um pedido de desculpas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *