Foi descoberta em Porto Alegre uma casa que funcionava como depósito de cocaína de alta qualidade

A Polícia Civil encontrou, na manhã desta quarta-feira (21), uma residência utilizada como depósito de cocaína em Porto Alegre. Na casa, localizada na Ilha da Pintada, foram apreendidos 10,85 quilos de cocaína de alta qualidade.

A ação foi realizada pela 3ª Delegacia de Investigação do Narcotráfico, após denúncia anônima. Segundo o delegado Rafael Pereira, o local era utilizado transitoriamente para depositar as drogas, até o período noturno, momento em que os entorpecentes seriam distribuídos para pontos de preparação na Capital e na Região Metropolitana. Ninguém foi preso.

O delegado Mario Souza, diretor de Investigações do Denarc (Departamento Estadual de Investigações do Narcotráfico), salientou que a droga, após a preparação, poderia render até 60 mil porções no final da cadeia de distribuição ao usuário. “Os entorpecentes poderiam abastecer cerca de 30 pontos de tráfico”, destacou Souza.

Caça-níqueis

Durante diligências realizadas na manhã de terça-feira (20), a Polícia Civil apreendeu seis máquinas caça-níqueis em um bar na cidade de Igrejinha.

Conforme relato do delegado Ivanir Caliari, após o recebimento de uma denúncia anônima da prática de jogos de azar em uma determinada localidade, os policiais civis realizaram diligências a fim de apurar a veracidade dos fatos.

“Em um bar, localizado na rua Independência, foi constatado que se explorava jogos de azar, através de maquinas caça-níqueis, sendo apreendidas seis máquinas”, explicou o delegado. Caliari ressaltou a importância das denúncias anônimas para o êxito no combate a esse tipo de ilícitos praticados na cidade.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *