Governo do Estado assina contrato de concessão no Cais do Guaíba

O governador Eduardo Leite assinou, na terça-feira (05), o contrato de concessão para obras no Cais junto ao Guaíba, no centro de Porto Alegre. O ato foi transmitido ao vivo pelo Governo do Estado e contou com a presença do prefeito de Porto Alegre, Sebastião Melo.

O Governo do Estado concedeu à Embarcadero Empreendimentos o uso da área que está sendo revitalizada junto ao Guaíba. A empresa é responsável pela construção de novos espaços de entretenimento e serviços à população no trecho entre o Armazém A7 e a Usina do Gasômetro.

“A nossa prefeitura é amiga dos empreendedores, queremos licença rápida, queremos que o carro chefe seja o desenvolvimento econômico”, comentou o prefeito de Porto Alegre, Sebastião Melo.

O contrato chamado de Termo de Concessão de Uso Oneroso de Imóvel dá à Embarcadero a possibilidade de administrar a propriedade do Estado por cinco anos ou até que o projeto para toda a área esteja concluído.

“Gostaríamos muito de agradecer a oportunidade de estarmos fazendo parte desta história como empreendedores. No seu governo, governador Eduardo Leite, o Cais vai acontecer, uma expectativa aí de muito tempo de toda a população de Porto Alegre, Rio Grande do Sul e até a população de fora, do turista que quer esses espaços para poder usufruir mais da nossa cidade”, destacou o sócio da Embarcadero Empreendimentos, Eugênio Correia.

Em maio de 2019, o governo de Eduardo Leite anunciou o rompimento do contrato de concessão com a Cais Mauá do Brasil. A decisão foi motivada por alegações de infrações contratuais. Em junho de 2020, foi assinado um pré-contrato com a Embarcadero que previa o investimento de R$ 6 milhões. A previsão de conclusão da obra era para o segundo semestre de 2020, mas foi prorrogada devido à pandemia.

“Tomamos as decisões certas, nós vamos conseguir entregar no curto prazo o uso daquela área pela população e vamos deixar semeado e encaminhado para frutificar ao longo dos próximos anos uma solução de longo prazo e de grande relevância para Porto Alegre e para o Estado”, disse o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *