Governo estadual retira limite de ocupação das salas de aula

Em decreto publicado nessa última segunda-feira (15), o governo estadual revogou a norma que previa limite de 50% de ocupação de salas de aula no retorno do ensino presencial. A medida vale para creches, escolas, universidades, cursos de idiomas, ensino de esportes, danças, artes cênicas e cursos de formação profissional.

Segundo o decreto, as instituições de ensino poderão operar sem limites quanto ao número de ocupantes. As únicas exigências são o uso de máscara, circulação de ar e que haja um distanciamento mínimo de um metro e meio entre as cadeiras. A decisão vale para todas as regiões, independente da classificação no mapa de distanciamento controlado.

A decisão gerou repercussão negativa no CPERS, que manifestou, em nota, que o fim do limite de ocupação é um “passe-livre” para a Covid nas escolas e que sem vacinas, testes, recursos e fiscalização, não há condições para o retorno das aulas presenciais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *