Iphan no RS: Cerimônia de assinatura da obra de requalificação urbana em São Miguel das Missões

Na manhã desta sexta-feira (8) ocorreu a cerimônia de assinatura da obra de requalificação urbana do entorno do Sítio Arqueológico de São Miguel Arcanjo, em São Miguel das Missões. A secretária da Cultura, Beatriz Araujo, representou o governador Eduardo Leite no evento.

A primeira etapa da obra de requalificação urbanística do entorno do Sítio tem valor estimado de R$ 3 milhões. As ruínas de São Miguel das Missões estão entre as prioridades do Iphan (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional) para preservação de bens culturais do sul do país. “É um projeto belíssimo, que diz muito sobre o compromisso do Iphan com o patrimônio histórico. Permitirá requalificação e melhoria da infraestrutura urbana do entorno do sítio tombado. Isto significa mais qualidade de habitabilidade e tráfego urbano. Um ganho significativo não só para os moradores, mas, também, para milhares de turistas que visitam o local todo ano”, ressaltou Beatriz. O Iphan atua na região desde 1938, quando foi tombado o Sítio de São Miguel Arcanjo. De lá para cá, o Instituto empreende diversas ações de preservação, e a obra que se inicia agora vai ao encontro das ações já desenvolvidas.

Entrega do Certificado da Tava

Durante a cerimônia também foi entregue o certificado da Tava, lugar de referência para a memória e a identidade do povo Guarani, como Patrimônio Cultural do Mercosul. Este bem imaterial já era inscrito no Livro de Registro de Lugares do Iphan. Lugar de referência para a memória e a identidade do povo Guarani, a Tava também está localizada na área que corresponde ao Sítio Histórico de São Miguel Arcanjo. A decisão de tombamento foi anunciada no ano passado, durante o 17º Encontro da Comissão do Patrimônio Cultural do Mercosul, em Montevidéu (Uruguai).



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *