Preso criminoso acusado de diversos roubos e homicídios em Porto Alegre

Agentes da Delegacia de Capturas do Deic (Departamento Estadual de Investigações Criminais) prenderam, no início da manhã desta segunda-feira (09), um assaltante de 19 anos no bairro Praia de Belas, em Porto Alegre.

A Justiça expediu contra o criminoso um mandado de prisão preventiva por roubo a transporte coletivo. Segundo informações da Polícia Civil, o homem possui um extenso rol de antecedentes criminais, contando com diversas acusações de assaltos a transporte coletivo e a pedestres, roubos de veículos, homicídios, organização criminosa, porte ilegal de arma de fogo de uso restrito, receptação de veículo roubado, entre outros delitos.

Armas

Um homem foi preso pela BM (Brigada Militar) com grande quantidade de drogas, armas e munições em Alvorada, na Região Metropolitana de Porto Alegre, no domingo (08). Foram apreendidos quatro fuzis, duas carabinas, uma escopeta, uma pistola, carregadores e 1,6 mil munições de calibres variados.

Também foram recolhidos 2,3 quilos de crack e 34 quilos de maconha. Durante a ação, os agentes do 24º BPM (Batalhão de Polícia Militar) ainda recuperaram um Fiat Argo que havia sido roubado.

Serra Gaúcha

Agentes da Delegacia Especializada em Furtos, Roubos, Entorpecentes e Capturas de Caxias do Sul, na Serra Gaúcha, prenderam na sexta-feira (06) um homem de 43 anos por crime patrimonial e crime contra a dignidade sexual no município.

O indivíduo preso temporariamente é suspeito de roubar o veículo de uma estudante universitária e depois abusar sexualmente da vítima. Na ação, uma arma de fogo furtada foi apreendida e objetos subtraídos da vítima foram recuperados.

Os crimes ocorreram no dia 2 de julho. “Na ocasião, uma noite em que chovia bastante, a vítima saiu da faculdade em que estuda e dirigiu-se até o estacionamento. Ao entrar em seu veículo foi surpreendida por um homem armado. Ele entrou no veículo, sentou-se no banco de trás e, apontando uma arma de fogo para a vítima, ordenou que ela dirigisse até onde ele determinasse. Após trafegarem por diversos quilômetros até chegarem em uma estrada de chão no interior de Caxias do Sul, o indivíduo violentou sexualmente a estudante. Na sequência, colocou-a no porta-malas do veículo e saiu dirigindo pela estrada. Depois de um tempo, parou o veículo, tirou-a do porta-malas, questionou-a sobre como havia se sentido por estar ali presa e depois liberou a vítima em uma estrada de chão”, relatou o delegado Adriano Linhares. Após ser liberada, a estudante seguiu caminhando até chegar em uma propriedade rural, onde foi socorrida.

O criminoso roubou o carro, o celular, o notebook, materiais da faculdade e documentos da vítima. O veículo foi localizado na manhã do dia seguinte ao roubo no bairro Bela Vista.