Novo decreto estadual muda regras do modelo de distanciamento controlado

Em novo decreto divulgado na madrugada desta terça-feira (15), o governo do Rio Grande do Sul estabeleceu novas regras quanto ao modelo de distanciamento controlado, como a retomada da cogestão. O governo também amplia o horário do comércio e de restaurantes em regiões sob bandeira vermelha.

As regiões em cogestão poderão adotar protocolos mais flexíveis, mas nunca menos rígidos do que os da bandeira anterior. Uma região em bandeira vermelha poderá adotar protocolos de bandeira laranja, mas nunca de bandeira amarela, por exemplo. Também ficou decidido que os municípios das regiões em bandeira preta, como Bagé e Pelotas nesta semana, poderão adotar protocolos de bandeira vermelha caso não tenham registrado óbitos nem novas hospitalizações por Covid-19 nos últimos 14 dias.

Os locais sob bandeira preta poderão ter a indústria funcionando com 75% da capacidade, desde que sejam seguidas as regras de distanciamento, ventilação cruzada e uso correto de máscara. Para as regiões em bandeira vermelha, o horário de funcionamento do comércio e dos restaurantes foi ampliado, com ingresso dos clientes permitido até às 22 horas e fechamento dos estabelecimentos até às 23 horas.

Nos locais públicos sem controle de acesso, como praças e praias, está proibida a permanência. Já atividades físicas nestes locais estão liberadas e os municípios poderão flexibilizar esta regra através de decreto. Só estão permitidas atividades esportivas de campeonatos reconhecidos pelo Sistema do Desporto Nacional.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *