Operação Comando Central age contra quadrilha comandada por detento dentro de presídio

O Departamento Estadual de Investigação do Narcotráfico (Denarc) e o Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) da Polícia Civil deflagraram, na manhã desta quinta-feira (11) uma operação contra a quadrilha liderada por Alexandre Rodrigues, mais conhecido como Gordo Alex, de 38 anos. Dentro de uma das galerias do Presídio Central, os criminosos aterrorizam moradores da Vila Nova Dique, no bairro Rubem Berta, zona norte da Capital.

Desde o início desta manhã, 300 policiais cumprem 12 mandados de prisão temporária, 20 de prisão preventiva e 57 de busca e apreensão. Cerca de 89 ordens judiciais estão sendo cumpridas na capital e em Cachoeirinha. Segundo investigações realizadas em conjunto entre a 1ª Delegacia de Investigações (DIN) do Denarc e a 3ª Delegacia de Homicídios, o grupo alvo da operação é responsável por homicídios, ameaças, expulsão de moradores e tomada de imóveis, além de tráfico de drogas. O ponto de partida das investigações foi um triplo homicídio ocorrido no ano passado no bairro Rubem Berta. No mês de fevereiro, dois gerentes do tráfico da Vila Dique, que estariam envolvidos no crime, foram presos pelo Denarc. Nos celulares dos suspeitos, os policiais identificaram outros integrantes, estrutura e o esquema do grupo, além de ordens que teriam sido dadas pelo líder, de dentro do presídio.

Até o momento, nove pessoas foram presas. Armas e drogas foram apreendidas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *