Operação combate fraude em processo de recuperação judicial de empresa na Serra

O grupo de atuação especial de combate ao crime organizado do Ministério Público do Rio Grande do Sul, cumpriu seis mandados de busca e apreensão em Caxias do Sul, Esteio e São Leopoldo nessa terça-feira (24). Os alvos foram duas empresas e seus sócios. Os investigados utilizaram uma empresa de Esteio para fraudar o processo de recuperação judicial de uma grande empresa com sede em Caxias do Sul.

As investigações começaram a um ano e meio quando uma empresa de Caxias com dívidas de aproximadamente R$ 100 milhões, entrou com pedido de recuperação judicial. Uma empresa de Esteio, criada meses antes, comprou a maior parte dos créditos e os dois sócios deste estabelecimento, ligados a empresa de Caxias, puderam aprovar o plano de recuperação judicial de forma ilícita, com benefícios para a empresa de Caxias e causando prejuízos significativos aos verdadeiros credores, incluindo dívidas trabalhistas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *