Pampa Debates: convidados falam sobre a crise causada pela pandemia no novo coronavírus no Brasil e sobre a abertura do comércio em Porto Alegre

No programa Pampa Debates desta segunda-feira (10) o apresentador Paulo Sérgio Pinto recebeu o Presidente da LIDE RS Eduardo Fernandez, o Presidente da FETRANSUL Afrânio Kieling, o médico Eduardo Trindade, o Deputado Estadual Tenente-Coronel Zucco e o também Deputado Estadual Luís Augusto Lara. Dentre os assuntos discutidos, tiveram destaque a crise causada pelo novo coronavírus no Brasil; o médico Eduardo Trindade comentou que muitos dos problemas que enfrentamos é por conta da assimetria de informações, onde muitas pessoas que não são especialistas em determinadas áreas tomam decisões como se o fossem, dando o exemplo do lockdown “lá no início ele era muito mais uma questão logística do que de saúde pública, porque pouco se sabia sobre o vírus”.

O Deputado Estadual Tenente-Coronel Zucco ressalta que “A oposição ao presidente Bolsonaro politizou a Covid, se ele fosse contrário à Cloroquina, diriam que a Cloroquina é boa”; o apresentador Paulo Sérgio Pinto rebate “Mas ele não tem que ser a favor, quem tem que ser a favor ou contra é um médico”, acrescentando que não cabe ao presidente receitar medicamentos.

Sobre o tópico da abertura do comércio em Porto Alegre, o Presidente da FETRANSUL Afrânio Kieling afirma que o prefeito Nelson Marchezan Júnior estava negociando com as entidades e diz que teve a impressão de que “quando o impeachment foi admitido ele mudou sua posição”. O Presidente da LIDE RS Eduardo Fernandez adiciona “Teve a questão do impeachment e da pressão sofrida”. Ainda sobre o assunto, o Deputado Estadual Luís Augusto Lara lembra que “Na hierarquia das leis, um decreto municipal não tem o poder de restringir um decreto estadual. Foi uma decisão política.”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *