Pampa Debates: convidados falam sobre a importância do arroz gaúcho

No programa Pampa Debates desta sexta-feira (14), o apresentador Paulo Sérgio Pinto recebeu o presidente da Aproarroz, Clóvis Terra; o diretor do Conselho Regulador da Aproarroz, José Martins; o presidente da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul, Ernani Polo; e o deputado estadual Edson Brum. Com a presença de agricultores, o programa girou em torno da produção de arroz aqui no Rio Grande do Sul.

Conforme Ernani Polo, o mercado consumidor brasileiro está distante do nosso Estado. “Ele está no centro do país. Nós temos uma logística que já nos tira a competitividade, mas a Assembleia trabalha dia a dia para mudar essa visão.” Já Edson Brum, durante o programa, lembrou de sua história com o agro. “Eu sou do tempo da trilhadeira, eu lembro do avanço tecnológico da lavoura que foi paga pelos produtores de arroz”, revelou.

Os conhecedores do assunto lamentaram o desconhecimento da população urbana quanto a essa questão. Inclusive, durante o debate, Paulo Sérgio Pinto leu uma mensagem de um telespectador que reclamou dizendo que “a plantação de arroz gasta muita água”. Mas Clóvis Terra trouxe um contraponto. “Segundo estudos feitos a longa data, a água que entra na lavoura sai mais limpa. Ela passa por um processo de limpeza”, explicou. Ainda segundo o presidente da Aproarroz, o agro representa 40% da economia brasileira e o país ” vai sair do buraco” ao dar mais atenção ao agronegócio. Para José Martins, é importante divulgar à população a importância das plantações. “Me orgulho de ser um agricultor.”

Assista na íntegra ao Pampa Debates desta sexta-feira (11/08):

Clique aqui para ver todas as redes sociais do Pampa Debates

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *