Pandemia sobrecarrega mães com rotina de trabalho, doméstica e escolar

Se a rotina das mães já era exaustiva antes da pandemia, agora, o trabalho parece ter dobrado ou até mesmo triplicado. Mulheres enfrentam até quatro jornadas de trabalho no período. Especialista alerta para os perigos desses novos hábitos.

Segundo uma pesquisa realizada pelo IBGE, durante uma semana, mulheres dedicam 8 horas a mais do que os homens em afazeres domésticos e cuidados com os filhos. Com a pandemia e as famílias muitas vezes confinadas em casa, essas atividades se intensificaram e muitas mulheres se veem sobrecarregadas. O horário de ensino das crianças se confunde com o horário de trabalho das mães e também com as atividades domésticas.

“Eu tenho duas crianças em casa, então meu trabalho é realmente quadruplicado. É difícil e às vezes a gente não consegue fazer tudo”, revelou a empresária Susana Pradel.

Administrar a própria vida e a vida dos filhos neste período pode ser uma tarefa exaustiva e gerar situações de estresse tanto para as mães quanto para os filhos. Além disso, o ensino à distância e o tempo compartilhado entre pais e filhos pode afetar o comportamento e até a relação entre as famílias.

“A sobrecarga desse trabalho de conciliar todas as questões veem impactando a sistemática da família”, comentou a psicóloga escolar, Leticia Maccari.

Para passar por esse período da maneira mais saudável possível, é importante se organizar. Mas, além de planejamento, também é necessário descanso e auto cuidado, principalmente para as mães.

“A gente também precisa enquanto mãe poder olhar para as nossas fragilidades e também conseguir dar uma respirada e ter um espaço para que a gente possa se sentir um pouco mais segura. O meu dia é todo cronometrado para conseguir encaixar, para eu ter um momento de descanso também porque é importante. Eu sou mãe, trabalho, mas eu me permito descansar, A logística toda a gente vai se readaptando”, esclareceu a psicóloga.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *