Pesquisadores gaúchos desenvolvem teste de imunidade da Covid-19

Estamos acompanhando como as pesquisas científicas estão colaborando no combate ao coronavírus. Um grupo de cientistas gaúchos desenvolveu um teste capaz de identificar se a pessoa desenvolveu imunidade contra a doença e está apta para retomar suas atividades.

O teste permite identificar quem já esteve em contato com o vírus e se a pessoa desenvolveu os anticorpos neutralizantes contra a doença. Estudos apontam que pacientes que apresentam anticorpos contra as proteínas responsáveis pela entrada do coronavírus nas células, podem apresentar imunidade contra a doença, e desta forma não desenvolveriam ou transmitiriam a Covid-19. Um dos médicos que colaborou no desenvolvimento do teste explica o funcionamento.

“Se tu tiver níveis elevados de anticorpos quanto a proteína S, teoricamente tu está desenvolvendo imunidade para essa doença. E mesmo assim então, tu tem dificuldades de adquirir ela de novo porque está ficando imune e tu vai ter dificuldade de transmitir ela também porque os teus anticorpos estariam ligados no vírus”, explicou o médico Alberto Stein.

Toda a tecnologia usada no teste é nacional. O que permite que mais pessoas tenham acesso e realizem o exame. Através de parcerias com laboratórios aqui do estado, no Rio de Janeiro e no Paraná, o teste estará disponível em breve. É importante salientar que o exame não detecta a presença do vírus no organismo. O método pode mudar a forma de enfrentamento contra a pandemia, uma vez que identificada a presença de anticorpos, a pessoa poderia retomar suas atividades, por estar imune ao vírus.

“Um exame de laboratório tem que ser interpretado pelo médico que atende o paciente, associado com informações, se algum familiar teve a doença ou não teve, ele é mais uma ferramenta para auxiliar a dar segurança as pessoas a retornarem as suas atividades”, disse Stein.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *