Preço do frango pode subir ainda mais devido à redução de abates

O frango, uma das melhores alternativas usadas para substituir a carne vermelha, pode ficar ainda mais caro. A economia no prato dos gaúchos corre riscos devido à redução de abates da ave. Desde o início do ano, a alternativa à carne vermelha acumula uma alta de mais de 18% no valor de final. Um dos principais fatores que refletem no preço é o abate. A produção gaúcha encolheu 15% somente em junho. Segundo a Associação de Avicultura do Estado, a medida foi adotada para evitar consequências mais graves.

“Nenhum setor da economia consegue produzir a pleno, mantendo os níveis de produção e atendendo demanda interna, uma produção em larga escala que tem envolvimento lá da produção rural, que tem envolvimento industrial com prejuízo. Nós trabalhávamos com prejuízo e ainda estamos trabalhando na ordem de R$ 1,50 a R$ 2,00 o quilo do frango”, destacou o presidente da Associação Gaúcha de Avicultura, José Eduardo dos Santos.

O boletim econômico de junho do IEPE/UFRGS mostra que as carnes bovina e de frango lideram entre os itens com maior impacto sobre a inflação no primeiro semestre de 2021. Na prateleira do supermercado, ainda tem opções de origem animal que são mais baratas que o frango. A carne de porco é encontrada por um valor mais acessível. Mas ainda existem outras opções.

“De origem animal a gente tem, por exemplo, ovos, sardinha, atum, a gente tem os outros tipos de carne também, como o porco, que ainda está um pouquinho mais abaixo do valor do mercado de frango e da carne, que são opções muito boas de proteínas. E origem vegetal, a nossa dupla imbatível de arroz e feijão que já supre a nossa necessidade de proteínas”, explicou a nutricionista Marla Dapper.

Ainda não é possível prever por quanto tempo deve durar esse aumento na carne de frango. A Associação Brasileira de Proteína Animal está revisando os dados de produção previstos para o país.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *