Prefeito Nelson Marchezan não presta depoimento a Câmara de Porto Alegre

O prefeito de Porto Alegre, Nelson Marchezan Júnior, deveria prestar depoimento à comissão processante do impeachment na Câmara de Vereadores na última sexta-feira (23). Mas meia hora antes do horário agendado, Marchezan informou nas redes sociais que não iria comparecer à sessão.

Sem receber nenhum comunicado oficial, o presidente da comissão, vereador Hamilton Sossmeier, deu início à sessão convocando o prefeito, que não compareceu. Em um texto divulgado em redes sociais, Marchezan justificou a decisão, e classificou a convocação como “mais uma excrescência em um processo com fins eleitorais”.

O prefeito da capital justificou que o denunciado deve ser o último a ser ouvido. Agora, a comissão vai agendar o depoimento dos denunciantes para que eles compareçam à Câmara.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *