Preso casal que matou idoso durante assalto na orla de Ipanema, em Porto Alegre

Agentes da 4ª Delegacia de Polícia de Homicídios e de Proteção à Pessoa de Porto Alegre prenderam preventivamente, na quarta-feira (07), um homem de 21 anos e uma mulher de 24 anos suspeitos de serem os autores do homicídio de um idoso na Zona Sul da Capital gaúcha. O crime ocorreu no bairro Aberta dos Morros, em novembro do ano passado.

Segundo as investigações, a dupla teria armado uma emboscada para a vítima em um ponto de prostituição na orla de Ipanema. Quando o aposentado, a bordo de seu veículo, tentava acertar um programa com a suspeita no local, o comparsa dela ingressou no automóvel, rendeu o motorista e o obrigou a dirigir até a avenida Juca Batista. No local, o suspeito efetuou disparos de arma de fogo contra o idoso.

Em seguida, o criminoso saiu do automóvel, mas foi surpreendido no momento em que o idoso, mesmo ferido, deu a partida no carro e dirigiu até um posto de saúde. A vítima, no entanto, veio a falecer no local. O objetivo da dupla, segundo as investigações, era roubar o idoso. As informações foram divulgadas pela Polícia Civil na manhã desta quinta-feira (08).

Santa Maria

Na tarde de quarta-feira, a Polícia Civil cumpriu mandado de prisão temporária em desfavor de dois indivíduos suspeitos de um latrocínio ocorrido no último sábado (03) no Centro de Santa Maria, na Região Central do Rio Grande do Sul.

Em interrogatório, os indivíduos confessaram a prática do crime. A Polícia Civil segue investigando a participação de uma terceira pessoa no latrocínio. Por meio de testemunhas e imagens de câmeras de vigilância, foi apurado que na data no fato, a vítima, uma mulher de 30 anos, caminhava pela rua quando os indivíduos passaram de carro e a visualizaram mexendo no telefone celular, ocasião em que decidiram efetuar o roubo.

Após o anúncio do assalto, a mulher teria reagido e corrido atrás dos suspeitos. Um dos indivíduos desferiu um golpe de faca no peito da vítima, que não resistiu ao ferimento mesmo tendo sido socorrida por populares.

De acordo com a investigação, o motorista do veículo alega não ter participação no fato e diz também ter sido vítima de roubo por parte dos indivíduos. A sua participação no crime segue sendo investigada



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *