Preso foragido que assaltava pedestres e motoboys em Porto Alegre

Um assaltante que estava foragido da Justiça foi preso pela Polícia Civil, na manhã desta segunda-feira (12), no bairro São José, na Zona Leste de Porto Alegre. De acordo com o delegado Arhtur Raldi, o criminoso, de 35 anos, possui seis acusações por roubos contra pedestres e motoboys cometidos na Capital gaúcha.

“A prisão do suspeito é mais uma ação no combate à prática do crime de roubo”, afirmou o delegado. A ação policial foi realizada por agentes da Delegacia de Capturas do Deic (Departamento Estadual de Investigações Criminais).

Atropelamento

Agentes da 4ª Delegacia de Polícia de Homicídios e de Proteção à Pessoa efetuaram, na tarde de domingo (11), a prisão preventiva de  um jovem de 21 anos apontado como autor de uma tentativa de homicídio ocorrida em setembro no bairro Aberta dos Morros, na Zona Sul de Porto Alegre.

A investigação apontou que o suspeito investiu com o seu carro contra a vítima, que é tio da sua ex-companheira, após um desentendimento familiar. O suspeito estava tendo problemas conjugais com a ex-mulher, e a vítima interferiu para que ele não a agredisse. Após tal circunstância, o suspeito, ao visualizar a vítima transitando em via pública, acelerou o seu automóvel em direção a ele, com o objetivo de atropelá-lo. Após o choque, o suspeito fugiu do local.

Foram coletadas imagens de câmeras de segurança que auxiliaram nas investigações, inclusive possibilitando a conclusão de que a conduta do jovem corresponde a uma tentativa de homicídio. Ainda durante a tramitação do inquérito policial, o suspeito foi intimado para apresentar a sua versão sobre o fato, porém, após o seu advogado ter vista dos autos, ele deixou de comparecer, frustando o ato de interrogatório. Com isso, representou-se pela sua prisão preventiva, o que foi acolhido pelo Poder Judiciário.

“Nesse sentido, desde o ano passado a equipe desta delegacia especializada diligenciava com o intuito de realizar a prisão do foragido, porém ele recalcitrava com o intuito de frustrar a execução da sua prisão. Após um longo tempo de monitoramento, foi possível identificar que, neste domingo, ele estava na residência da mãe dele. Quando realizávamos a aproximação da residência, o suspeito tentou empreender fuga, pulando pelo telhado do fundo da casa, enquanto a sua mãe tentava despistar a atuação policial. Apesar da tentativa, a diligência foi concluída com êxito”, relatou o delegado Eibert Moreira.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *