Previsão de alta da economia cai pela oitava vez no ano e vai para 1,71%

Por Jornal O Sul

Instituições financeiras preveem queda para o crescimento da economia no Brasil em 2019 pela oitava vez. A projeção da expansão do Produto Interno Bruto (PIB), soma dos bens e serviços produzidos no país, caiu de 1,95% para 1,71% este ano. A previsão para 2020, também, apresentou queda: de 2,58% para 2,50%. Sendo assim, essa foi a quinta redução projetada consecutiva. Para 2021 e 2022 não houve mudanças, permanecendo com o valor de 2,50%. Todos os números estão no boletim Focus, divulgado semanalmente, nas segundas-feiras, com alicerce em estimativas de instituições financeiras sobre os principais indicadores econômicos pelo Banco Central (BC).



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *