Sob efeito da pandemia de coronavírus, economia da China encolhe no primeiro trimestre

A economia da China encolheu no primeiro trimestre deste ano. O PIB (Produto Interno Bruto) do gigante asiático caiu 6,8% no período, confirmando os efeitos causados pela pandemia do novo coronavírus, que paralisou o país no início de 2020.

No último trimestre de 2019, o crescimento do PIB chinês foi de 6% em relação ao mesmo período do ano anterior. O desempenho desperta interesse devido ao peso do país na economia global.

Com o vírus se espalhando pelo mundo, a China “enfrenta novas dificuldades e desafios para reiniciar a atividade e a produção”, disse o porta-voz do Escritório Nacional de Estatística, Mao Shengyong.

Em um esforço para conter a propagação do vírus, que causou oficialmente mais de 4,6 mil mortes no país, a China adotou medidas de contenção sem precedentes no final de janeiro.

As vendas no varejo caíram novamente em março, para 15,8% no comparativo anual. A produção industrial, no entanto, caiu apenas 1,1%. Nos dois meses anteriores, as vendas no varejo caíram 20,5%, e a produção industrial, 13,5%.

Apesar da melhoria das condições sanitárias nas últimas semanas, milhões de chineses continuam limitando seus movimentos por medo de contrair a Covid-19.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *