TRF-4 mantém julgamento de ex-presidente Lula no caso sítio de Atibaia

E em meio as restrições impostas pelo coronavírus o Tribunal Regional Federal da 4ª Região decidiu manter o julgamento do ex-presidente Lula, que será feito de forma virtual.

A defesa do ex-presidente Lula emitiu um pedido para que o julgamento do caso do sítio de Atibaia não fosse realizado, alegando que seria necessária uma sessão presencial. No entanto, o relator da Lava Jato, desembargador João Pedro Gebran Neto, negou o pedido.

O julgamento aconteceria no dia 25 de março mas, devido à pandemia, deverá ocorrer de forma online, entre os dias 27 de abril e 6 de maio. Os advogados de Lula irão recorrer à decisão do TRF-4.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *