Sexta-feira, 23 de fevereiro de 2024

Acusado de assédio sexual, jogador Daniel Alves é preso na Espanha

O jogador Daniel Alves foi preso, nesta sexta-feira (20), pela polícia da Espanha depois de ser interrogado em uma delegacia em Barcelona sobre uma acusação de assédio sexual.

De acordo com um porta-voz da polícia, o lateral direito da Seleção Brasileira foi colocado à disposição do Judiciário. Já estava previsto que o atela prestaria depoimento nesta sexta, mas não havia nenhum mandado de prisão contra ele.

De acordo com a assessoria do jogador, Daniel foi “por livre vontade para Barcelona para esclarecer espontaneamente os fatos e comprovar sua inocência”.

A denúncia que originou o processo contra o brasileiro foi feita por uma mulher que estava em uma festa na noite de 30 de dezembro de 2022, em uma boate em Barcelona. A mulher alegou que foi assediada por Daniel no local e se queixou para funcionários.

A polícia foi acionada, mas quando chegou no estabelecimento o jogador já havia ido embora, de acordo com a denúncia.

Daniel afirma que é inocente. “Eu estive nesse lugar, e quem me conhece sabe que eu adoro dançar, mas sem invadir o espaço de ninguém, respeitando os espaços. E quando você vai ao banheiro não tem que perguntar quem está lá para usar o banheiro. Não sei quem é essa senhorita, nunca a vi. Nestes anos todos nunca invadi o espaço de ninguém sem autorização”, declarou o jogador em uma entrevista.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de em foco

Anvisa proíbe mais pomadas para cabelos por não cumprirem normas sanitárias
Operação contra participantes e financiadores de atos extremistas é realizada em cinco Estados e no Distrito Federal
Pode te interessar
Baixe o app da TV Pampa App Store Google Play