Terça-feira, 18 de junho de 2024

Cinco coisas que podem fazer no seu celular mesmo com a tela bloqueada

Você sabia que é possível acessar alguns recursos de celulares Android e iPhone (iOS) mesmo que a tela dos dispositivos esteja bloqueada? Um amigo curioso pode ativar a Siri ou a Google Assistente e solicitar que elas façam ligações ou enviem mensagens para contatos salvos na agenda, por exemplo. Além disso, pessoas mal intencionadas podem desativar widgets de localização e Internet a partir da Central de Controle ou das configurações rápidas, para tentar impedir que o dono do dispositivo consiga localizar o celular em caso de furtos ou roubos.

Para te ajudar, listamos cinco funcionalidades que podem ser acessados por terceiros mesmo que a tela do celular esteja bloqueada.

Mensagens para contatos

É possível ativar a Google Assistente ou a Siri mesmo com o celular bloqueado e solicitar que as assistentes virtuais realizem algumas no dispositivo. Utilizando comandos de voz, uma pessoa que não possui a senha do seu aparelho pode acessar algumas funcionalidades do celular, e pode solicitar que a assistente envie mensagens ou faça ligações para contatos salvos na agenda, crie lembretes ou marque reuniões no calendário sem o consentimento do dono do aparelho, por exemplo. Como essa configuração pode ser considerada um pouco invasiva, o ideal é desativá-la nos ajustes dos dispositivos.

Para isso, no Android, acesse as configurações da Google Assistente e toque sobre a aba “Tela de bloqueio”. Em seguida, desative a chave ao lado de “Respostas do Google Assistente na tela de bloqueio” para impedir que a assistente seja ativada quando o celular estiver bloqueado. No iPhone (iOS), vá até os ajustes e clique em “Siri e Busca”. Na próxima página, desative a chave ao lado de “Permitir Quando Bloqueado”.

Central de Controle

Mesmo com a tela bloqueada, ainda é possível acessar o menu de configurações rápidas do Android ou a Central de Controle do iPhone (iOS), o que permite que um desconhecido que tenha acesso ao seu celular consiga acessar alguns recursos do aparelho – é possível desativar a Internet e a localização do dispositivo e habilitar o modo avião, por exemplo, dificultando que o dono do aparelho verifique as últimas coordenadas do dispositivo para poder encontrá-lo.

Tirar fotos

Também é possível tirar fotos com a câmera do celular mesmo que ele esteja bloqueado. Ainda assim, vale dizer que o acesso à galeria do dispositivo não é permitido, o que mantém as fotos seguras. No Android, você pode remover o widget de câmera das configurações rápidas para evitar que isso ocorra e, em celulares Motorola, também pode desativar a navegação por gestos para impedir que acessem a câmera sem o seu consentimento.

Usar a lanterna

Assim como é possível usar a câmera do celular com ele bloqueado, também é possível ativar e usar a lanterna do dispositivo mesmo com a tela bloqueada. Se o widget do app estiver disponível nas configurações rápidas do Android é possível acessá-lo por lá, ou, ainda é possível ligar a lanterna agitando o celular duas vezes caso o aparelho seja da fabricante Motorola. Nesse caso, é possível desativar o acionamento por gestos acessando o app “Moto”, tocando sobre a aba “Moto ações” e virando a chave ao lado de “Lanterna rápida”.

Temperatura

Terceiros que tiverem acesso direto ao iPhone (iOS) também podem checar algumas informações a partir dos novos widgets disponíveis na Tela Bloqueada, disponíveis com a atualização do iOS 16. Isso quer dizer que, caso o dono do dispositivo utilize apps de tarefas e personalize o aparelho com o widget na tela de bloqueio, outras pessoas com acesso ao celular também poderão consultar as atividades através do ícone em questão. O mesmo vale para apps de Tempo ou que trazem informações sobre voos, por exemplo. Nesse caso, é importante avaliar que tipo de dado ficará disponível no widget antes de adicioná-lo à Tela de Bloqueio.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de em foco

Médica é presa sob suspeita de participar da morte de oficial de Justiça em Pernambuco
Crise na Argentina põe em risco exportações do Brasil
Pode te interessar
Baixe o app da TV Pampa App Store Google Play