Domingo, 21 de julho de 2024

Escola revitalizada pela Marinha após enchente retoma as aulas em Guaíba

Após mais de 40 dias sem aulas, os 409 alunos do 1º ao 9º ano da Escola Estadual de Ensino Fundamental Otaviano Manoel de Oliveira Júnior, em Guaíba, na Região Metropolitana de Porto Alegre, retornaram às aulas na terça-feira (11), após um trabalho de revitalização realizado pelos militares da Marinha do Brasil, por meio do Grupamento Operativo de Fuzileiros Navais em Apoio à Defesa Civil do Rio Grande do Sul.

O Grupamento, composto por 15 militares, realizou tarefas como limpeza, pintura, verificação da parte elétrica, entre outras atividades necessárias para restabelecer o funcionamento do local, atingido pela enchente.

A escola foi reaberta no Dia da Marinha. “Participar da reconstrução e ajudar
que a escola volte às aulas é motivo de orgulho, ainda mais no Dia da Marinha. Nessa data tão especial, em que reverenciamos nossos heróis, receber a gratidão e o carinho da escola é muito especial. Não há maneira melhor de comemorar. Será um recomeço para todos nós”, afirmou o chefe do Estado-Maior da Força Naval Componente, contra-almirante Max Guilherme de Andrade e Silva.

Além da Escola Otaviano Manoel de Oliveira Júnior, a Marinha também contribuiu para a recuperação da Escola Municipal de Ensino Fundamental Santa Rita de Cássia, que foi reaberta no início deste mês em Guaíba.

A Escola Estadual Almirante Barroso, na Ilha da Pintada, em Porto Alegre, também será reconstruída. Uma equipe de fuzileiros navais está dividindo os trabalhos em três fases: remoção de lixo e entulho, limpeza de compartimentos e higienização, além de manutenção, reparos elétricos, carpintaria, metalurgia, pintura e obras em geral.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de boas noticias

Declaração de rebanho tem prazo prorrogado para 31 de julho no Rio Grande do Sul
Polícia Federal indicia o ministro das Comunicações por suposto esquema de desvios de emendas parlamentares
Pode te interessar
Baixe o app da TV Pampa App Store Google Play