Sábado, 02 de março de 2024

Ex-ministro da Fazenda Guido Mantega pede afastamento da equipe de transição de governo

O ex-ministro da Fazenda Guido Mantega pediu para ser afastado da equipe de transição de governo do presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva, informou a assessoria de imprensa da equipe nesta quinta-feira (17).

Os mercados tinham reagido mal à nomeação dele para o grupo na semana passada, com o dólar acelerando perdas e fechando em queda de mais de 4% e o Ibovespa afundando 4% diante de temores de que a indicação do ex-ministro, considerado um economista de linha heterodoxa, apontaria para mais risco de descontrole fiscal no próximo governo.

Segundo uma fonte da equipe de transição, Mantega havia indicado a intenção de deixar os trabalhos diante de temores de “judicialização” de sua participação voluntária no grupo. Mantega foi proibido pelo Tribunal de Contas da União (TCU) de assumir cargo público por um período de cinco anos por punição por envolvimento no que ficou conhecido como “pedaladas fiscais” no governo da presidente Dilma Rousseff.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Política

Republicanos na Câmara dos Estados Unidos prometem investigar Biden e negócios de sua família
Vem aí a aposentadoria especial de motoboy
Pode te interessar
Baixe o app da TV Pampa App Store Google Play