Terça-feira, 23 de julho de 2024

Governo federal lança movimento “Um Novo Destino” para ajudar reconstrução do turismo gaúcho

O Ministério do Turismo lançou, em evento musical de Brasília, o movimento “Um Novo Destino”, voltado para a reconstrução do Rio Grande do Sul, por meio do turismo. Com o apoio de artistas e produtores culturais, o MTur fará ativações durante as apresentações do Funn Festival 2024, que acontece todos os finais de semana na capital federal.

A primeira ativação ocorreu no sábado nos shows dos cantores Leonardo e César Menotti e Fabiano, quando foi  exibido o vídeo “Não Cancele, Reagende”, com o objetivo de conscientizar o público sobre a importância de manter o turismo local ativo. Também houve participação de dança tradicional gaúcha da artista Ana Terra, durante a troca de palco.

“Além das doações voluntárias, não podemos esquecer que o Rio Grande do Sul tem atrativos e cultura únicos. Por isso, é importante não cancelar e sim reagendar as viagens para o estado. Contamos com o apoio de cada brasileiro para fortalecer e revitalizar o turismo gaúcho, promovendo a economia local e preservando nossa rica cultura”, disse o ministro do Turismo, Celso Sabino.

A próxima ativação terá uma churrascada ao som de músicas e danças gaúchas no palco da Vila Gastronômica do local. Também estará disponível, durante toda a programação do festival, o “QR Code SOS Rio Grande do Sul”, permitindo que os visitantes façam doações voluntárias para apoiar a reconstrução do turismo no estado.

Suporte

Em um esforço conjunto do Governo Federal para ajudar o Rio Grande do Sul a contornar dificuldades provocadas pelas chuvas, o Ministério do Turismo vem adotando ações para auxiliar a manutenção e a recuperação do setor no estado. Uma delas é a disponibilidade de R$ 200 milhões do Fundo Geral de Turismo (Novo Fungetur), voltados à concessão de financiamentos com condições especiais a atividades turísticas prejudicadas.

O MTur também desenvolve, nas redes sociais oficiais da Pasta, a campanha “Não Cancele, Reagende!”, que incentiva visitantes a reprogramarem viagens ao estado. Outra iniciativa é a articulação, junto ao Ministério de Portos e Aeroportos, de uma malha aérea emergencial para o Rio Grande do Sul.

Também está sendo planejada a promoção de destinos gaúchos no Salão Nacional do Turismo, marcado para agosto, no Rio de Janeiro (RJ), bem como em feiras internacionais do setor, com a FIT, da Argentina, um dos maiores emissores de turistas estrangeiros para o estado.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Rio Grande do Sul

Deslizamentos de terra causam interdições na BR-116 em Caxias do Sul
Fenômeno conhecido como microexplosão deixa 1,2 mil casas destelhadas em São Luiz Gonzaga
Pode te interessar
Baixe o app da TV Pampa App Store Google Play