Sábado, 22 de janeiro de 2022

loader

Imigrantes terão auxílio de mediadores interculturais nos serviços de saúde em Porto Alegre

A rede de saúde de Porto Alegre terá o auxílio de mediadores interculturais haitianos e senegaleses no atendimento de imigrantes. A iniciativa é inédita e será lançada nesta quarta-feira (27).

O objetivo da Secretaria Municipal de Saúde com o projeto é facilitar o acesso às unidades de saúde e demais serviços, reduzindo a barreira linguística e cultural. Os mediadores interculturais irão desenvolver um trabalho que transcende a simples tradução, decodificando não apenas termos entre nacionalidades, mas culturas e hábitos dos cuidados em saúde entre nações.

A Capital gaúcha possui cerca de 30 mil imigrantes, considerando todas as situações migratórias, sendo a maioria de haitianos. Segundo o sistema E-SUS/SMS/2020, existem cerca de 3.313 imigrantes com cadastro ativo no Cartão Nacional de Saúde na cidade, ou seja, que acessam as unidades de saúde, aproximadamente 10% da população imigrante.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Porto Alegre

Estudo aponta que o Rio Grande do Sul preserva 16% de sua área total
Seis bairros de Porto Alegre ficam sem água nesta quarta-feira
Pode te interessar
Baixe o app da TV Pampa App Store Google Play