Sábado, 02 de março de 2024

Klara Castanho fala pela primeira vez sobre estupro e gravidez e diz confiar muito na Justiça

A atriz Klara Castanho, de 22 anos de idade, falou pela primeira vez sobre a gravidez em decorrência de estupro que sofreu e que se tornou público ano passado, contra a vontade dela, durante a gravação do Altas Horas especial do Mês da Mulher, nos estúdios da Globo, em São Paulo, esta semana.

A informação é da colunista Patrícia Kogut, do jornal O Globo. Segundo a jornalista, a artista fez um desabafo sobre o episódio para uma plateia emocionada e ao lado da ministra dos Povos Originários, Sônia Guajajara, da jornalista Sandra Annenberg e da ex-BBB Tina Calambra.

“Foi um período de recolhimento voluntário depois de tudo o que aconteceu no ano passado. Depois que vim a público, de novo, de forma forçada, eu denunciei todos os crimes aos quais fui submetida. Todos, sem nenhuma exceção. E o que me resta neste momento, e ainda bem, é confiar na Justiça e eu confio muito. Não só na Justiça, mas numa Justiça maior”, disse.

Em junho do ano passado, a atriz divulgou uma carta em suas redes sociais e, em seguida, preferiu o silêncio. Depois de um longo período de recolhimento, ela escolheu o programa de Serginho Groisman para se abrir, por saber que ali receberia o devido respeito.

“Ela diz que escolheu o ‘Altas Horas’ pelo acolhimento que o programa permite. Falou sobre como foi forçada a expor sua vida privada e fez uma reflexão muito madura sobre as redes sociais. Aquela menina de 22 anos virou uma mulher com fala firme e segura”, contou o apresentador.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Variedades

Brendan Fraser revela acidente que quase o matou durante filmagens de “A Múmia”
Susana Vieira passa por cirurgia de emergência e adia espetáculo
Pode te interessar
Baixe o app da TV Pampa App Store Google Play