Quinta-feira, 09 de dezembro de 2021

loader

Libertadores: autoridades alertam torcida do Flamengo que quem não tiver ingresso e for “ficha suja” não poderá ir ao Uruguai

A Polícia Rodoviária Federal, a Polícia Civil e a Polícia Militar do Rio de Janeiro se reuniram com torcedores de torcidas organizadas do Flamengo nesta sexta-feira (22), na sede do clube, na Gávea, para orientações de segurança sobre a viagem ao Uruguai para a final da Libertadores.

A principal recomendação repassada aos torcedores é a de que quem não tiver ingresso não poderá sequer embarcar nos ônibus das caravanas que sairão do Rio de Janeiro para Montevidéu. A fiscalização será feita pela PM no ato do embarque. A norma também vale para torcedores do Palmeiras que irão à capital Uruguai saindo de São Paulo. Os comboios serão monitorados pela PRF.

Ficha suja barrados

As polícias civil e militar, por sua vez, indicaram que os torcedores com “ficha suja”, ou seja, com impeditivos de entrar nos estádios no Brasil, já estão em uma lista enviada às autoridades uruguaias pelas federações Fluminense e Paulista para que não sejam autorizados a entrar no país.

Segundo o tenente-coronel Hilmar Faulhaber, comandante do Batalhão Especial de Policiamento de Estádios (BEPE), os pedidos foram feitos pela Conmebol e debatidos pelas autoridades nacionais em uma reunião nesta semana no STJD.

“Foi uma reunião em que passamos algumas orientações para os torcedores e alguns pedidos feitos pela Conmebol e o STJD. Será uma operação bastante complexa”, contou Faulhaber.

Depois dos avisos principais, o grupo debateu sobre pontos de fiscalização ao longo do trajeto, no meio da estrada, que compreende a rota pela BR-101, nacional, e por rodovias estaduais de Santa Catarina e Rio Grande do Sul.

Outras reuniões

O mesmo tipo de reunião aconteceu em São Paulo com torcedores do Palmeiras. As polícias dos estados estão em contato para conseguirem organizar um cronograma para a saída das caravanas de cada estado. No entanto, eles ainda aguardam respostas sobre a quantidade de ônibus que irão compor as comitivas de torcedores.

De acordo com o delegado César Saad, da delegacia de Repressão aos Delitos de Intolerância Desportiva (DRADE) da Polícia Civil de São Paulo, as polícias coordenam as saídas das comitivas para que elas não se encontrem na estrada. Ele explicou que o ideal é que haja um intervalo de oito horas entre elas.

“Já está pré-acordado que a caravana do Rio de Janeiro só deixará a cidade quando a de São Paulo já tiver partido. Desta maneira conseguimos uma margem de seis a oito horas que irá evitar que as torcidas se encontrem na estrada”, contou o delegado.

Retorno

Ainda de acordo com as autoridades o retorno será organizado pela polícia uruguaia. Os torcedores do time perdedor deixarão o entorno do estádio e o país poucas horas após a partida. Aqueles que torcem para o time vencedor só poderão retornar após o aval da polícia do Uruguai.

Outras medidas de segurança começarão a ser definidas na próxima terça-feira, em um encontro em Montevidéu, que deve durar três dias. Foram convidadas autoridades estaduais do Rio de Janeiro, São Paulo e federais. Também deve acontecer um presidente dos presidentes do Palmeiras e do Flamengo com o presidente da Conmebol.

Ingressos

O Flamengo recebeu a indicação de que terá 6.500 códigos para compra dos ingressos por parte de sua torcida. Eles serão destinados aos sócio-torcedores, que terão prioridade na compra. A venda começa no dia 27 de outubro, a próxima quarta-feira. O clube tem 68 mil sócios, 5.800 só no plano Maior do Mundo, o mais caro.

A Conmebol ainda não detalhou oficialmente a quantidade de bilhetes por clube, apenas que serão comercializadas 20 mil entradas no total, incluindo o público local. O valor varia entre US$ 200 e 650 (entre R$ 1.135 e R$ 3.680, na cotação desta sexta-feira). A Conmebol vai operar a venda dos ingressos nas laterais do estádio. Os setores atrás dos gols serão destinados a Flamengo e Palmeiras, que vão administrar a comercialização de bilhetes.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Esporte

Diego e Daniele Hypolito estreiam no circo
Final da Libertadores: autoridades tentam evitar brigas entre torcidas de Palmeiras e Flamengo no caminho para o Uruguai
Pode te interessar
Baixe o app da TV Pampa App Store Google Play