Segunda-feira, 15 de julho de 2024

Microempreendedores individuais e desempregados dos setores de alojamento, alimentação e eventos têm até sexta para sacar o Auxílio Emergencial Gaúcho

Microempreendedores individuais (MEIs) e trabalhadores desempregados dos setores de alojamento, alimentação e eventos com direito ao Auxílio Emergencial Gaúcho têm até sexta-feira (25) para fazer a retirada do benefício.

Quase metade dos beneficiários que tiveram definido o recebimento do valor via ordem de pagamento (OP) ainda não realizaram o saque. Das 598 OPs disponibilizadas, 288 (48%) aguardam a retirada nas agências e canais digitais do Banrisul.

Os procedimentos para recebimento do benefício encontram-se detalhados no portal do Auxílio Emergencial Gaúcho. No total, 3.314 MEIs e 815 desempregados foram considerados aptos a obter o benefício nesta última etapa do programa. A maior parte optou pelo crédito em conta corrente ou via Pix.

Quem se cadastrou no Auxílio Emergencial Gaúcho e tem dúvida se está entre os contemplados deve consultar o status do benefício por meio do site, na opção acompanhe a sua solicitação.

O Auxílio Emergencial Gaúcho, instituído pela Lei nº 15.604, atende os setores que foram mais afetados pelas restrições de circulação impostas pela pandemia de Covid-19. As três etapas do programa somam R$ 15,75 milhões na forma de subsídio, distribuídos a cerca de 10,8 mil beneficiários.

Nas duas primeiras etapas do auxílio, realizadas em 2021, os grupos beneficiados foram mulheres chefes de família e empresas do Simples Nacional, com atividade principal nos setores de alojamento, alimentação e eventos.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de boas noticias

Supremo muda regra sobre atuação de juízes em casos de clientes de parentes
Justiça Federal anula portarias do Ministério da Agricultura que liberavam a pesca de arrasto no litoral gaúcho
Pode te interessar
Baixe o app da TV Pampa App Store Google Play