Domingo, 16 de junho de 2024

Navio argentino atracado em Canoas é liberado pela Anvisa após surto de Covid

A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) liberou para seguir viagem um navio argentino que havia sido detido em Canoas, na Região Metropolitana de Porto Alegre, depois que um surto de Covid-19 atingiu a tripulação. Ao todo, dez pessoas testaram positivo para a doença causada pelo novo coronavírus e, dessas, duas foram hospitalizadas.

O órgão regulador manteve a embarcação detida, proibindo embarques e desembarques, por 14 dias. A liberação ocorreu na última sexta-feira (8) depois que a tripulação saudável passou pelo período de isolamento. Apesar disso, por segurança, segundo a Anvisa, todos os trabalhadores foram substituídos por outros.

O estado de saúde dos pacientes hospitalizados é estável. A Anvisa monitorava a situação e notificou tanto a prefeitura de Canoas quanto a de Porto Alegre.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Rio Grande do Sul

Trabalhadores nascidos em agosto podem sacar auxílio emergencial nesta quinta
Oito militares do Exército são condenados por mortes de músico e catador no RJ
Pode te interessar
Baixe o app da TV Pampa App Store Google Play