Segunda-feira, 15 de julho de 2024

No Beira-Rio, Inter vence o Avenida por 1 a 0 na estreia do Campeonato Gaúcho

O Inter estreou com vitória no Campeonato Gaúcho deste ano. O Colorado venceu o Avenida por 1 a 0, nesse domingo (21), no Estádio Beira-Rio. Wanderson marcou o único gol da partida, garantindo a terceira posição do time da Capital na tabela. A equipe comandada por Eduardo Coudet enfrentará o São Luiz nesta quarta (24), em Ijuí, às 19h.

Com os estreantes Ivan Quaresma, Robert Renan, Hyoran e Lucas Alarios escalados na formação titular, o Inter protagonizou um primeiro tempo de evidente domínio no Beira-Rio. Ofensivo e apostando na presença de área dos dois atacantes da tarde (Alario e Valencia), porém, o Colorado teve dificuldades para envolver a retaguarda adversária. Retraído no campo de defesa, afinal, o Avenida limitava os espaços em frente à própria área.

Frente a uma grande área bastante povoada, os cruzamentos se tornaram recorrentes no setor ofensivo colorado. Sempre que chegava em boas condições à linha de fundo, o Inter buscava Valencia ou Alario, mas a conexão não atingiu plena efetividade. Atento ao cenário, Bustos apostou no arremate de longa distância e obrigou Ruan, aos 30 minutos, a fazer segura defesa rasteira.

Compacto atrás, o Avenida sonhava com espaços para contragolpear. Nas três ocasiões em que os encontrou, depositou todas as fichas no centroavante Carlos Henrique, que desperdiçou a melhor oportunidade visitante em chute de perna canhota. Bruno Camilo, de fora da área, também assustou, mas Ivan fez a defesa e aliviou o perigo para longe.

Após sofrer uma ruptura do ligamento cruzado do joelho direito, Ivan precisou ser substituído no intervalo. No lugar do goleiro entrou Anthoni, cria do Celeiro de Ases que estreava na categoria profissional. E se a meta teve troca no nome, o ataque mudou de postura. Ainda mais agressivo, o Inter passou perto de abrir a conta aos dois minutos, quando Aránguiz recebeu de Valencia e tentou ser garçom de Alario. No último instante, a zaga cortou.

Aos seis minutos da etapa final, Renê teve espaço pela esquerda e cruzou com veneno. Alario e Valencia tentaram, mas não conseguiram o desvio. Já Bruno Henrique, ao lado dos companheiros, mostrou oportunismo para emendar no reflexo. Tirando tinta, a bola cruzou a linha de fundo. O Avenida contra-atacou em velocidade, mas Anthoni, ligado ao corte de Robert Renan, impediu um possível gol contra.

Na individualidade, Valencia teve boa chance aos 17. O equatoriano recebeu na entrada da área, costurou para a perna direita e soltou a bomba. Desviado, o chute saiu em escanteio. Crescente, a pressão precisou de mais cinco minutos para se desdobrar em gol. Da esquerda, Renê cruzou mais uma. Na segunda trave, Enner desviou para Wanderson. Debaixo da meta, o camisa 11 completou para as redes, marcando o único gol da partida.

Ficha técnica

Internacional (1): Ivan Quaresma (Anthoni); Bustos, Vitão, Robert Renan e Renê; Aránguiz, Bruno Henrique (Rômulo), Hyoran e Wanderson (Igor Gomes); Enner Valencia (Pedro Henrique) e Lucas Alario (Luiz Adriano). Técnico: Eduardo Coudet.

Avenida (0): Ruan; Celsinho, Rafael Goiano (Fred), Dadalt e César Nunes; Chicão, Bruno Camilo, Maikon Aquino (Jhonata), Carlos Alberto (Jean Carlo) e Felipe Cruz (Alan Cardoso); Carlos Henrique (Hélio Paraíba). Técnico: Márcio Nunes.

Arbitragem: Jonathan Benkenstein Pinheiro, auxiliado por Maira Mastella Moreira e Michael Stanislau. Quarto Árbitro: Elis da Silva Elyseu.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Esporte

Acusado de estupro, jogador brasileiro Daniel Alves completa neste sábado 1 ano de prisão em Barcelona
Cesar Cielo: aos 37 anos, principal nadador brasileiro ainda não formalizou o fim da carreira e não descarta disputar competições nacionais
Pode te interessar
Baixe o app da TV Pampa App Store Google Play