Segunda-feira, 15 de julho de 2024

No primeiro dia útil do ano, Porto Alegra volta a enfrentar transtornos por causa da chuva

Porto Alegre enfrentou transtornos devido à chuva nessa terça-feira (2), primeiro dia útil de 2024. Houve alagamentos, lentidão no trânsito, quedas de árvores e falta de luz – a situação só não foi pior porque parte da população ainda estava fora da cidade após o feriadão de Ano Novo. Entre o início e o meio da tarde, a precipitação se aproximou de 60 milímetros, metade da esperado para o mês.

Por volta das 17h, a Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC) registrava 14 pontos com acúmulo de água em via pública, a maior parte na Zona Norte. A Estação de Bombeamento do Departamento Municipal de Água e Esgotos (Dmae) que atende a região das avenidas Brasil e São Pedro ficou inoperante devido a apagões.

Também na Zona Norte, a Trensurb reduziu a operação dos trens na estação São Pedro, devido ao acúmulo de água nos trilhos. Ao menos dez ônibus foram enviados para o transporte de passageiros entre as estações Farrapos e Mercado Público, no Centro Histórico.

No que se refere à queda de árvores, foram três casos reportados às autoridades: na esquina da avenida Vicente Monteggia esquina com Estrada Aracaju (Vila Nova, Zona Sul), nas imediações do número 900 da rua Ramiro Barcelos (bairro Bom Fim, Zona Central) e na rua Atanásio Belmonte (bairro Boa Vista, Zona Norte).

A chuvarada foi atribuída a fatores como uma massa de ar quente e úmido sobre a área do Rio Grande do Sul. Os  principais serviços de meteorologia indicam que a instabilidade se mantém nos próximos dias na Região Metropolitana e em outras áreas do Estado, com chuvas pontuais, de fracas a moderadas.

O calor, entretanto, dá lugar a temperaturas amenas. Nesta quarta-feira (3), os termômetros devem registrar mínima de 19°C e máxima de 27°C. Para a quinta-feira, a previsão é praticamente a mesma, com um espectro de 19ºC a 26°C.

Mobilização

“Equipes estão mobilizadas para minimizar os problemas”, informou a administração municipal por meio do site prefeitura.poa.br. No início da noite, agentes da EPTC ainda percorriam a cidade, atendendo ocorrências e orientando o trânsito. A Defesa Civil da Capital também permanecia de prontidão diante da possibilidade de novas chuvas.

A orientação geral aos cidadãos é de que evitem transitar em locais sujeitos a inundações, enxurradas e quedas de vegetação ou mesmo cabos de energia. Em caso de dúvida ou emergência, o telefone da Defesa Civil é 199, ao passo que o Corpo de Bombeiros atende por meio do número 193.

(Marcello Campos)

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Porto Alegre

Saiba os partidos que terão as maiores fatias de fundo eleitoral recorde em 2024
Desafios para 2024: sede do G-20, Brasil terá que buscar equilíbrio para propor agenda internacional
Pode te interessar
Baixe o app da TV Pampa App Store Google Play