Sábado, 27 de novembro de 2021

Ronaldinho Gaúcho tem uma semana para pagar pensão da ex ou pode ser preso

O jogador aposentado Ronaldinho Gaúcho tem até o dia 1º de dezembro para pagar a pensão que deve à ex-noiva Priscilla Coelho, após dezenas de tentativas dos oficiais de justiça do Rio de Janeiro para encontrá-lo. Caso não cumpra o pedido de execução, ele pode ter os bens penhorados e até ser preso.

A pensão provisória de alimentos foi deferida no ano passado e arbitrada em cerca de R$ 100 mil por mês.

O processo movido por Priscilla Coelho, que alega ter sido noiva de Ronaldinho durante seis anos, está tramitando desde 2019 na 1ª Vara de Família do Rio.

Em entrevista ao Extra, o advogado de Priscilla, Bruno Medrado, afirmou que não cabe recurso na ação. “Neste caso o procedimento de execução, que já iniciamos para o recebimento do valor, já definido lá no processo que vai julgar a respeito da união estável, desta pensão provisória, não cabe esta discussão” explica: “Se ele quiser reverter essa decisão, ele tem que ir no processo principal. Que foi o que deferiu esta pensão provisória de alimentos. Agora é pagar ou pagar”, disse.

Ronaldinho está no Qatar, onde cumpre uma agenda profissional.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de futebol

Mulher diz que Maradona a estuprou quando ela era adolescente: “Roubou minha infância”
Ministério Público denuncia William Ribeiro por tentativa de homicídio ao agredir árbitro
Pode te interessar
Baixe o app da TV Pampa App Store Google Play