Domingo, 25 de fevereiro de 2024

Surfista é atacado por tubarão em Olinda; estado de saúde é considerado grave

Um surfista foi atacado por um tubarão no início da semana, em Olinda. André Luz Gomes, de 32 anos, sofreu ferimentos graves na perna esquerda. A mordida pegou a musculatura e vasos sanguíneos também. A vítima foi socorrida por populares e encaminhado ao Hospital da Restauração, onde passou por cirurgia vascular. O quadro de saúde ainda é grave, mas estável, de acordo com o boletim médico enviado pela assessoria de comunicação do hospital.

O ataque de tubarão ocorreu por volta das 16h30, na Praia dos Milagres. Uma viatura de resgate e um bote inflável do Corpo de Bombeiros foram enviados ao local. No entanto, o surfista já havia sido retirado do mar pela população e socorrido por uma equipe do Samu.

“Foi uma mordedura de tubarão bem profunda. Houve perda de muito sangue”, informou o médico do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) Renato Souto. Segundo ele, o rápido socorro foi fundamental para a equipe do Samu conseguir estabilizar o paciente.

“Caso demorasse mais, ele poderia ter morrido. O importante é que entregamos ele estabilizado ao HR”, acrescentou.

Com este caso, sobe para 74 o número de incidentes com tubarões em Pernambuco.

Nota oficial

Por meio de nota, o Comitê Estadual de Monitoramento de Incidentes com Tubarões (Cemit) disse que está investigando um “incidente envolvendo um homem de 32 anos e um animal marinho”.

A vítima, atingida na perna esquerda, estava em um local com proibição para a prática de surf desde 1999″, acrescentou o comunicado.

Casos registrados

Desde 1992, quando se registrou o primeiro caso em Pernambuco, houve 74 ocorrências envolvendo tubarões no estado, sendo 64 no continente e outras 10 na Ilha de Fernando de Noronha, segundo balanço do Cemit.

O último caso de mordida de tubarão foi em Fernando de Noronha, de um turista de Rondônia que se feriu no pé. Poucos meses antes, uma menina de 8 anos também foi atacada na ilha, e teve a perna amputada. A garota estava em viagem de férias com os pais.

Em 2021, duas pessoas foram mordidas por tubarão em Jaboatão dos Guararapes. O auxiliar de serviços gerais Marcelo Rocha Santos, de 51 anos, morreu após ter uma mão arrancada e um ferimento profundo na coxa. Ele foi encaminhado para o HR, mas chegou sem vida na unidade de saúde. Já Everton dos Reis Guimarães, 32 anos, teve ferimentos na parte posterior da coxa esquerda e glúteo. A área da igrejinha ficou interditada.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Brasil

Neymar lamenta lesão, mostra tratamento e recebe o apoio de Mbappé
Juliana Alves “flutua” na Sapucaí ao se transformar em Iemanjá em efeito impecável
Pode te interessar
Baixe o app da TV Pampa App Store Google Play