Terça-feira, 23 de julho de 2024

Violência sexual é maior contra meninas de 10 a 14 anos no Brasil

Meninas de 10 a 14 anos são as maiores vítimas de violência sexual no Brasil. Os dados constam no Atlas da Violência, divulgado nesta terça-feira (18) pelo Ipea (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada) e FBSP (Fórum Brasileiro de Segurança Pública).

Segundo o documento, existe uma “epidemia” de violência sexual contra meninas no país. Em 2022, a violência sexual alcançou 49,6% das meninas nessa faixa etária no país. Os números foram colhidos nos registros do Sinan (Sistema de Informação de Agravos de Notificação), do Ministério da Saúde. Na faixa entre 0 a 9 anos, os casos de violência sexual são de 30,4%.

“Os dados do Atlas da Violência nos mostram que as mulheres brasileiras estão expostas à violência do nascimento ao final de suas vidas”, explica Samira Bueno, diretora-executiva do Fórum Brasileiro de Segurança Pública.

Violência Física

Os dados contidos no Atlas da Violência apontam, ainda, que a partir dos 15 anos, a violência física passa a ser o tipo mais comum sofrido pelas mulheres.

15 a 19 anos — 35,1% dos casos de violência
20 a 24 anos — 49% dos casos de violência
25 a 59 anos — 40% dos casos de violência

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Brasil

Brasil se aproxima de 6 milhões de casos de dengue e 4 mil mortes provocadas pela doença
Tailândia vai reconhecer casamento entre pessoas do mesmo sexo
Pode te interessar
Baixe o app da TV Pampa App Store Google Play