Ancoradouro do Gasômetro é denominado como Nico Fagundes

O espaço localizado aos fundos da Usina do Gasômetro, na Orla do Guaíba, em Porto Alegre, foi denominado como Ancouradouro Nico Fagundes, através da sanção da Lei 12.468, de autoria do vereador José Freitas.

O projeto de lei foi assinado pelo Executivo no dia 07 de novembro, e de acordo com parlamentar, o objetivo é imortalizar um dos principais símbolos da cultura gaúcha.

“Nico Fagundes foi um homem que fez história e marcou o tradicionalismo, através sua atuação na música, poesia, teatro, televisão, cinema e jornalismo, sempre focado em destacar aspectos culturais do Rio Grande do Sul”, afirmou Freitas.

O vereador também destaca a importância de Nico Fagundes na literatura gaúcha. “O artista se formou e pós-graduou em história do Rio Grande do Sul e produziu inúmeras obras de consulta obrigatória para estudos na área”, explicou. A partir de agora serão realizados os trâmites para a instalação dos equipamentos de identificação da nova denominação.

Símbolo do tradicionalismo gaúcho

Antônio Augusto Fagundes, o Nico, morreu em 2015, aos 80 anos, após complicações em função de uma pneumonia. Entre as principais obras, está o Canto Alegretense, música escrita em parceria com o irmão Bagre Fagundes. Além disso, esteve à frente do programa dominical Galpão Crioulo.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *