Quarta-feira, 22 de maio de 2024

A Caixa vai liberar saque do FGTS para moradores de municípios gaúchos atingidos por ciclone

Trabalhadores residentes em municípios do Rio Grande do Sul atingidos pelo ciclone poderão fazer o saque do Fundo de Garantia de Tempo de Serviço (FGTS) por calamidade. Trata-se de uma modalidade em que o trabalhador tem direito a sacar o saldo da conta do FGTS por necessidade pessoal, urgente e grave decorrente de desastre natural que tenha atingido a sua área de residência.

Conforme previsto no Decreto 5.113/2004, para habilitação ao saque do FGTS é necessário que o município em estado de calamidade pública ou situação de emergência, devidamente reconhecidos por Portaria do Governo Federal, apresente à CAIXA a declaração das áreas que foram afetadas pelo desastre.

Ao todo, de acordo com a Defesa Civil do Estado do Rio Grande do Sul, 54 municípios foram afetados pelo ciclone, sendo que 6 desses já estavam habilitados por outros desastres naturais e, portanto, podem solicitar a liberação do saque calamidade: Campo Novo, Rio Grande, São José do Norte, São Sebastião do Caí, Sede Nova e Vera Cruz.

O banco está auxiliando as demais autoridades locais no sentido de agilizar a solicitação de habilitação para liberação dos valores aos trabalhadores residentes nas áreas afetadas.

Após a liberação, a população poderá realizar o saque do FGTS de forma digital, no celular, de forma fácil e rápida pelo aplicativo FGTS, sem a necessidade de comparecer a uma agência. Ao registrar a solicitação é possível indicar uma conta da CAIXA, inclusive a Poupança Digital CAIXA Tem, ou de qualquer outra instituição financeira, para receber os valores, sem nenhum custo.

É necessário possuir saldo na conta do FGTS e não ter realizado saque pelo mesmo motivo em período inferior a 12 meses. O valor máximo para retirada é de R$ 6.220,00.

O app FGTS está disponível para download gratuito nas plataformas digitais e é compatível com os sistemas operacionais Android e IOS.

Como solicitar

Seguem orientações para o trabalhador que tiver direito ao saque por calamidade, após a habilitação do munícipio ao saque calamidade do FGTS:

– Realizar o download do app FGTS e inserir as informações de cadastro; ir na opção “Meus saques” e selecionar “Outras situações de saque — Calamidade pública” — acessar a cidade;
– Encaminhar os seguintes documentos: foto de documento de identidade, comprovante de residência em nome do trabalhador, emitido até 120 dias antes da decretação de calamidade;
– Selecionar a opção para creditar o valor em conta CAIXA, inclusive a Poupança Digital CAIXA Tem, ou outro banco e enviar a solicitação;
– O prazo para retorno da análise e disponibilização do valor do saque, caso aprovado, é de cinco dias úteis.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de em foco

Empresa Gaúcha de Rodovias mobiliza operações para o feriado da Independência
Governador gaúcho cancela desfiles de Sete de setembro e decreta calamidade pública no Estado
Pode te interessar
Baixe o app da TV Pampa App Store Google Play