Quarta-feira, 01 de dezembro de 2021

Auxílio Brasil vai atender pessoas que estão no Cadastro Único Para Programas Sociais

O CadÚnico (Cadastro Único Para Programas Sociais) é o principal instrumento do governo federal para a inclusão de famílias de baixa renda em benefícios como a Tarifa Social de Energia Elétrica e Benefício de Prestação Continuada, além de dar direito ao auxílio emergencial e, futuramente, ao Auxílio Brasil – novo programa que substituirá o Bolsa Família.

Estar no CadÚnico, porém, não significa a entrada automática nesses programas, pois cada um deles tem suas regras específicas. Mas é pré-requisito para que a inscrição seja avaliada.

Podem se inscrever no Cadastro Único famílias com renda mensal de até meio salário mínimo por pessoa (R$ 550); famílias com renda mensal total de até três salários mínimos (R$ 3.300); famílias com renda maior do que três salários mínimos, desde que o cadastramento esteja vinculado à inclusão em programas sociais nas três esferas do governo; pessoas que moram sozinhas; e pessoas que vivem em situação de rua.

A inscrição no Cadastro Único é realizada somente de forma presencial. O cidadão deve verificar onde é feito o procedimento na cidade onde mora. Normalmente, esse atendimento é realizado nos Centros de Referência de Assistência Social ou em postos de atendimento do Cadastro Único e do programa Bolsa Família.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Brasil

Trabalhadores nascidos em abril já podem sacar a sétima parcela do auxílio emergencial
Freira franciscana é a primeira mulher “número dois” do Vaticano
Pode te interessar
Baixe o app da TV Pampa App Store Google Play