Sábado, 22 de janeiro de 2022

loader

Balneário Camboriú abre temporada de verão com nova faixa de areia

A Praia Central, em Balneário Camboriú, Litoral Norte catarinense, foi totalmente entregue aos banhistas nesta sexta-feira (3) com a conclusão dos trabalhos de acabamento da megaobra de alargamento da faixa de areia. A informação é da prefeitura.

Neste sábado (4), o município realiza um evento para inaugurar a temporada de verão na cidade. Haverá competições esportivas, apresentações artísticas e ações educativas. As atrações são gratuitas e são oferecidas a partir das 10h . A estrutura estará montada na Praia Central na altura da Praça Almirante Tamandaré.

O destaque nas atrações musicais previstas é a Camerata Florianópolis, que vai apresentar o espetáculo “Rock’n Camerata”, projeto que homenageia o rock.

A secretária municipal de Saúde, Leila Crocomo, informou que esse show será feito em um espaço reservado. A expectativa da prefeitura é que 1,5 mil pessoas assistam ao espetáculo.

A apresentação, porém, conta com uma exigência: comprovante de vacinação ou exame PCR. Essa cobrança é parte de protocolo do evento seguro, elaborado pelo governo do Estado, e obrigatório em eventos privados e públicos com mais de 500 pessoas. O mesmo ocorre com músicos e atletas.

Porém, no caso das pessoas que assistirem às competições e outras atrações na areia, não será exigido o comprovante. “O público é rotativo. Vão circular, não vai haver arquibancada, espaço para sentar. Não será permitida aglomeração”, afirmou a secretária.

Na noite de terça (30), a Secretaria de Estado da Saúde publicou uma portaria que proíbe grandes eventos ao ar livre sem controle de público. A proibição vale para festivais, shows e outras apresentações ou eventos ao ar livre que provoquem aglomerações, tenham uma estimativa de público de mais de 500 pessoas e não consigam implantar o protocolo chamado “Evento Seguro”.

Programação

Haverá apresentações artísticas, arena para competições esportivas e um espaço infantil que abrigará brinquedos infláveis gigantes. O público vai circular pelos ambientes sobre um piso de madeira (decks), com acessibilidade para pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida, conforme a prefeitura.

Tendas educativas com profissionais explicando sobre separação do lixo, cuidados com os oceanos, recuperação da faixa de areia, entre outros assuntos, também farão parte da estrutura.

Entenda a obra

A largura da faixa de areia passou de uma média de 25 para 70 metros. Os trabalhos começaram em março deste ano, com a chegada de tubos usados juntos com a draga, que chegou à cidade em 22 de agosto.

A embarcação pegava areia de uma jazida e, através da estrutura feita com os tubos, levava o material até o a orla da praia. O trabalho da draga terminou em 31 de outubro. Desde então, foi feita a desmontagem da tubulação, a retirada dos equipamentos usados na obra da praia e o acabamento para nivelar a areia.

Como ficou a Praia Central

A largura da praia foi aumentada em toda a extensão da orla, que é de 5,8 quilômetros. Para o ano que vem, após a temporada de verão, estão previstas obras no calçadão da Avenida Atlântica, rua em frente à faixa de areia, e o plantio de vegetação de restinga, uma exigência do licenciamento ambiental da obra.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Brasil

Prefeito do Rio de Janeiro cancela festa de réveillon após aumento de temor com nova variante
Ministro de Minas e Energia descarta risco de apagão no País por crise hídrica
Pode te interessar
Baixe o app da TV Pampa App Store Google Play