Terça-feira, 18 de janeiro de 2022

loader

Black Friday é marcada por arrastões e tiroteios em shoppings dos Estados Unidos

Dezenas de arrastões e tiroteios em shopping centers assustaram os
americanos na última sexta-feira (26), quando foi comemorada Black Friday.

Foram registrados distúrbios em áreas comerciais importantes de São
Francisco, Los Angeles, Chicago, Washington e Mineápolis, entre outras
cidades.

Vídeos de pessoas em fuga enquanto dezenas de ladrões quebravam vitrines e
saqueavam as lojas correram os Estados Unidos, causando indignação nacional.

De acordo com a polícia, três pessoas foram baleadas, incluindo uma criança
de 10 anos, e outras três sofreram ferimentos durante tumulto em um shopping da Carolina do Norte. A criança e outro baleado não correm risco de vida, mas a terceira vítima está em Estado grave.

Na capital, Washington, uma pessoa também foi ferida por arma de fogo dentro de um centro comercial.

O Departamento de Polícia de Los Angeles emitiu um alerta em toda a cidade
na sexta-feira à noite “devido ao aumento dos roubos”, de acordo com as
autoridades.

Uma loja da grife Louis Vuitton em São Francisco foi invadida por 40 ladrões,
que roubaram mais de 1 milhão de dólares em mercadorias. Nove suspeitos do roubo estão sendo incriminados.

Outro grupo de ladrões – duas mulheres e dois homens – também invadiu uma loja de óculos de sol e uma loja Lululemon em San Jose, nos arredores de São Francisco, roubando quase 50 mil dólares em mercadorias.

Ainda na Califórnia, um segurança morreu depois de ser baleado enquanto
protegia uma equipe de TV que cobria os arrastões.

A região da Baía de San Francisco tem sido especialmente atingida, dada a grande densidade de lojas de luxo. A área é uma das mais abastadas do país, com renda média doméstica que chega perto do dobro da média nacional, de acordo com o Censo dos Estados Unidos.

Cerca de 80 pessoas entraram em uma loja de departamentos da Nordstrom na cidade de Walnut Creek no sábado (27) à noite, roubando mercadorias até a polícia chegar e prender três pessoas, de acordo com um comunicado do Departamento de Polícia de Walnut Creek.

“A polícia está investigando o que foi claramente um evento planejado”, disse a polícia.

Em Minneapolis, no Estado de Minessota, cerca de 30 pessoas saquearam uma loja de eletrônicos. A ação foi filmada, mas o grupo conseguiu fugir.

Autoridades afirmam que os crimes estão sendo organizados por uma rede que recruta jovens para roubar mercadorias e depois as vendem na internet.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de em foco

Mais de 68% de todos os gaúchos já estão com o esquema completo de imunização contra covid
Juiz nos Estados Unidos bloqueia regra de vacinação contra covid-19 para profissionais da saúde em dez Estados
Pode te interessar
Baixe o app da TV Pampa App Store Google Play