Sexta-feira, 23 de fevereiro de 2024

Duas câmeras de segurança mostram que Daniel Alves não entrou em banheiro com suposta vítima de estupro

As imagens de duas câmeras de segurança podem ser fundamentais para o futuro de Daniel Alves, preso desde o dia 20 de janeiro em Barcelona acusado de estuprar uma mulher em uma boate no final de 2022. Segundo o jornal El Periódico, a cena gravada captura a silhueta do jogador fora do banheiro.

Ainda de acordo com o portal, as imagens não são nítidas, mas ainda podem ser decisivas para o futuro de Daniel Alves, que deve ser definido nesta semana. As câmeras mostram uma pessoa na porta do banheiro com um tênis branco e uma camiseta da mesma cor que o jogador estava vestindo.

Portanto, o brasileiro não estaria dentro do banheiro quando a jovem se dirige para lá, mas sim perto da porta. A mulher, no entanto, sustenta que não entrou no banheiro sozinha e que o jogador teria insistido para ela entrar no local.

Mesmo com essas supostas imagens, a juíza do caso já afirmou que acredita haver “indícios suficientes” de que houve um estupro. Entre as provas que pesam contra o Daniel Alves, há o resultado de um teste de DNA que comprova sêmen do atleta na roupa da vítima, além de impressões digitais no banheiro do local. O lateral também já contou quatro versões diferentes dos eventos que aconteceram na noite, enquanto a vítima manteve a mesma versão dos acontecimentos.

Na semana passada, as câmeras de segurança já haviam flagrado Daniel Alves ignorando a mulher que o acusa de estupro ao sair da boate, o que confirma o depoimento da vítima. As imagens captam um segurança e o gerente se aproximando da jovem e Daniel Alves e seu amigo passando por ela, aos prantos, mas a ignorando.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de em foco

Justiça espanhola nega recurso a Daniel Alves, e jogador seguirá preso
Neymar não pretende ouvir propostas para deixar o PSG
Pode te interessar
Baixe o app da TV Pampa App Store Google Play