Quarta-feira, 01 de dezembro de 2021

loader

É antiga declaração de Lula descartando candidatura à Presidência em 2022

Em vídeo divulgado na última quarta-feira (3), um youtuber afirma que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) teria desistido da candidatura para as eleições de 2022. Como prova, ele mostra um áudio que teria sido retirado de uma “live feita nesta semana”. Na gravação, o ex-presidente diz: “Se eu tiver juízo, eu tenho que ajudar o PT a ter outro candidato”. A declaração, na verdade, foi feita em 30 de abril de 2020.

Em falas recentes, o petista não rejeitou a possibilidade de disputar as eleições do próximo ano e a assessoria do ex-presidente confirmou que “por enquanto, Lula não definiu se será ou não candidato em 2022”. O vídeo foi publicado no canal de Ed Raposo e obteve ao menos 47 mil visualizações.

Em entrevista para o jornalista Leonardo Sakamoto, do portal UOL, Lula havia justificado a decisão de apoiar outro candidato do partido na sua idade, dizendo que estaria com 76 anos em outubro de 2022. “Para que eu fosse candidato em 2022, eu teria que estar com 100% de saúde e com uma energia que eu tenho agora”, disse.

Neste ano, porém, o ex-presidente afirmou que não sabe ainda se irá concorrer às eleições em 2022. “Eu tenho dito que não ‘estou candidato’ porque eu só vou decidir minha candidatura no começo do ano que vem”, disse, em coletiva de imprensa no dia 8 de outubro.

Uma pesquisa feita em julho deste ano pelo Instituto Ipec (Inteligência em Pesquisa e Consultoria, ex-Ibope) mostrou que Lula tinha 49% das intenções de voto, o favorito para a próxima disputa ao Palácio do Planalto.

Tentamos contato com Ed Raposo, mas não obtivemos resposta. Ao falar com seguidores do seu canal, ele informou que teria se baseado em um texto do site Jornal da Cidade Online. O portal atualizou a publicação, informando que cometeu um erro.

Alckmin

O ex-presidente Lula teria dito a amigos próximos que o ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin “é o único tucano que gosta de pobre”.

A relação entre Lula e Alckmin tem repercutido desde que foi revelado que lideranças do PT e do PSB apostam em uma chapa entre os dois para disputar as eleições presidenciais de 2022.

A articulação, porém, passa por diversas negociações que vão desde o convencimento de ambos de que a chapa poderia funcionar, já que são adversários políticos históricos, até a desfiliação de Alckmin do PSDB e sua filiação ao PSB.

Para isso, o PT teria que assegurar a parceria com o PSB e garantir que a vaga de vice seria do partido. Assim que estivesse formalizada, o ex-governador de SP deixaria seu partido atual e confirmaria a integração à nova legenda.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de em foco

No encerramento de conferência da ONU, governador gaúcho ressalta que o Estado fará sua parte no combate às mudanças climáticas
Agentes de segurança já podem solicitar crédito habitacional na Caixa em condições especiais para aquisição da casa
Pode te interessar
Baixe o app da TV Pampa App Store Google Play