Segunda-feira, 22 de abril de 2024

Inflação do aluguel recua para 0,21% em janeiro no Brasil

O IGP-M (Índice Geral de Preços – Mercado), conhecido como a inflação do aluguel, variou 0,21% em janeiro, após alta de 0,45% no mês anterior. Com esse resultado, o índice acumula alta de 3,79% em 12 meses.

Em janeiro de 2022, o IGP-M havia variado 1,82% e acumulava alta de 16,91% em 12 meses.

Um dos componentes do IGP-M, o IPA (Índice de Preços ao Produtor Amplo) variou 0,10% neste mês, após alta de 0,47% em dezembro. Na análise por estágios de processamento, a taxa do grupo bens finais caiu 0,05% em janeiro. No mês anterior, a taxa do grupo havia sido de -0,29%. A principal contribuição para esse resultado partiu do subgrupo alimentos in natura, cuja taxa passou de -0,29% para 2,64%, no mesmo período.

O IPC (Índice de Preços ao Consumidor), que também integra o cálculo do IGP-M, subiu 0,61% em janeiro, após alta de 0,44% em dezembro. Cinco das oito classes de despesa componentes do índice registraram acréscimo em suas taxas de variação. A principal contribuição partiu do grupo educação, leitura e recreação (-0,26% para 2,04%).

Já o INCC (Índice Nacional de Custo da Construção) variou 0,32% em janeiro, ante 0,27% em dezembro. Os três grupos componentes do INCC registraram as seguintes variações na passagem de dezembro para janeiro: materiais e equipamentos (0,37% para -0,26%), serviços (0,43% para 0,53%) e mão de obra (0,16% para 0,77%).

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Economia

Disputa para a presidência do Senado está acirrada entre Rodrigo Pacheco, que busca a reeleição, e Rogério Marinho
Ex-primeiro-ministro britânico Boris Johnson diz que Putin o ameaçou com míssil; governo russo nega
Pode te interessar
Baixe o app da TV Pampa App Store Google Play