Quinta-feira, 20 de janeiro de 2022

loader

Inter perde de 2 a 1 para o Atlético-GO e chance de classificação para a Libertadores fica mais distante

A chance de classificação para a Libertadores ficou ainda mais distante do Inter na noite desta segunda-feira (6), quando perdeu de virada, por 2 a 1, para o Atlético-GO, no Beira-Rio, em partida válida pela 37ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Os gols foram marcados por Yuri Alberto, do Inter, aos 32 minutos do primeiro tempo; Baralhas, do Atlético-GO, aos 44 minutos do primeiro tempo e Janderson, do Atlético-GO, aos 47 minutos do primeiro tempo.

Com a derrota, o Inter parou com 48 pontos, caiu para 12º e ainda tem chance, mas precisa vencer a partida final e contar com resultados combinados.

Desde o Grenal, o Inter vinha apresentado dificuldades. Venceu apenas uma vez (o Athletico-PR, por 2 a 1), teve um empate (1 a 1 com o Santos) e quatro derrotas (2 a 1 para Juventude e Flamengo e 1 a 0 para Cuiabá e Fluminense). Para piorar, nesta noite encarava uma sequência negativa, sem ganhar há quatro jogos, com três derrotas no período.

A partida

O Inter errou bastante e criou pouco na noite desta segunda. Até teve algumas chances com Yuri Alberto, que demorou para tocar para Taison em um lance e chutou para fora em outro. Mas ainda que tenha feito um gol, o Colorado deu espaços e levou a virada rapidamente.

D’Alessandro

D’Alessandro esteve no Beira-Rio acompanhando a partida. O jogador fala com a direção do clube para voltar a vestir a camisa vermelha em 2022 para disputar o primeiro semestre e encerrar sua carreira com direito a despedida da torcida. Ídolo da torcida, ele foi celebrado no estádio.

Ficha Técnica

Inter

Marcelo Lomba; Saravia (Cadorini), Bruno Méndez, Cuesta e Moisés; Dourado, Lindoso (Palacios), Edenilson, Patrick (Mauricio) e Taison; Yuri Alberto. Técnico: Diego Aguirre

Atlético-GO

Fernando Miguel; Dudu (Arnaldo), Oliveira, Éder e Arthur Henrique (Wanderson); Willian Maranhão, Marlon Freitas (Matheus Barbosa) e Baralhas; Rickson (Igor Cariús), Janderson (Ronald) e Brian Montenegro. Técnico: Marcelo Cabo.

Arbitragem

Flavio Rodrigues de Souza, auxiliado por Alex Ang Ribeiro e Evandro de Melo Lima. VAR: Emerson de Almeida Ferreira.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Inter

Caso Kiss: júri já é o mais longo da história do Judiciário gaúcho
Júri da boate Kiss tem nesta terça-feira depoimentos de técnico da banda, arquiteta indicada pelo MP-RS e chefe dos bombeiros
Pode te interessar
Baixe o app da TV Pampa App Store Google Play