Segunda-feira, 15 de julho de 2024

Mercado financeiro reduz pela segunda semana consecutiva a estimativa de inflação para este ano no Brasil

O mercado financeiro reduziu pela segunda semana consecutiva a estimativa de inflação para este ano no Brasil. A projeção recuou de 3,87% para 3,86%, de acordo com o Boletim Focus, divulgado nesta segunda-feira (22) pelo Banco Central.

A meta oficial de inflação para 2024 é de 3%, podendo variar entre 1,5% e 4,5%. Já a previsão para o IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo) em 2025 continuou em 3,5%.

Em relação ao PIB (Produto Interno Bruto), o mercado espera um crescimento de 1,6% em 2024. A previsão anterior era de 1,59%. A estimativa para 2025 foi mantida em 2%.

Juros e dólar

Novamente, as projeções para a Selic (taxa básica de juros) não sofreram alterações, permanecendo em 9% para 2024 e em 8,5% para 2025. Atualmente, a Selic está em 11,75% ao ano.

A estimativa para a taxa de câmbio neste ano caiu de R$ 4,95 para R$ 4,92 por dólar. A projeção para 2025 foi mantida em R$ 5.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Economia

Mais de 22 mil pontos continuam sem luz em Porto Alegre e na Região Metropolitana
Motoristas devem ficar atentos para alterações no trânsito em razão de obras em oito rodovias gaúchas
Pode te interessar
Baixe o app da TV Pampa App Store Google Play