Segunda-feira, 24 de janeiro de 2022

loader

Messi fala sobre ser o melhor da história dizendo: “É algo que não me interessa”

Lionel Messi afirmou que não se importa com as discussões sobre a possibilidade de ser o maior jogador de futebol da história. Em entrevista à “France Football”, o camisa 30 disse que o seu maior objetivo é se superar na carreira.

“Nunca disse que sou o melhor da história. Para mim, ser considerado um dos melhores já é suficiente. É algo que jamais havia imaginado. É algo que não me interessa, não muda nada ser considerado o melhor ou não. E nunca busquei ser.”

O craque também comentou sobre a eterna comparação com Cristiano Ronaldo, principal rival na disputa pela Bola de Ouro na última década e adversário por anos no Campeonato Espanhol.

“Sempre quis superar a mim mesmo e não mirar o que os outros faziam. Com Cristiano, mantivemos a competência durante um mesmo campeonato por anos. Foi maravilhoso e nos serviu para crescer em nossas carreiras. Mas sem mirarmos um ao outro. Só queria superar a mim mesmo para ser melhor, não melhor que o outro.”

Na atual temporada, Messi tem tido um início complicado com a camisa do Paris Saint-Germain. No Campeonato Francês, o argentino marcou apenas um gol, embora já tenha balançado as redes em três oportunidades na Champions League.

Camisa 10

Messi agitou a última janela de transferências ao trocar o Barcelona pelo PSG. Assim que o craque argentino foi anunciado, Neymar ofereceu a camisa 10 do time francês, mas o argentino rejeitou a oferta e decidiu utilizar o primeiro número da carreira: o 30. Em entrevista à revista France Football, Messi explicou o porquê da decisão.

“A camisa dez é para ele. Eu cheguei a um novo time para ajudar. Foi um gesto extraordinário da parte dele. Eu já esperava porque conheço o Neymar”, iniciou. “Passamos muito tempo juntos no Barcelona e somos amigos. Porém achei mais justo deixar a camisa dez com ele”, completou.

“Novo Messi”

Uma das promessas do futebol argentino, Thiago Almada, joia doVélez Sarsfield, foi vendido por 16 milhões de dólares (R$ 90 milhões) para o Atlanta United. Os valores foram divulgados pelo próprio clube na sexta-feira (3).

O jovem de 20 anos, chamado de ”Novo Messi”, esteve na mira do Flamengo em abril deste ano, mas a negociação não avançou.

Recentemente, ele foi alvo de gigantes europeus, como Manchester United e Atlético de Madrid, mas optou em atuar na Major League Soccer a partir de janeiro de 2022.

Na atual temporada, Almada realizou 34 partidas pelo Vélez e marcou nove gols. Ele ainda acumula participação nos Jogos Olímpicos e amistosos com a seleção principal.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de em foco

Em mais um jogo decisivo na luta pela permanência da Série A do Brasileirão, o Grêmio enfrenta o Corinthians neste domingo
Sérgio Moro se enxerga como um “intocável” em livro autobiográfico
Pode te interessar
Baixe o app da TV Pampa App Store Google Play