Quinta-feira, 29 de fevereiro de 2024

O rei Charles III decidiu expulsar Harry e Meghan do palácio real após insultos a Camilla

De acordo com a imprensa britânica, Charles III decidiu despejar Harry e Meghan de Frogmore Cottage em razão dos ataques repetidos feitos à rainha consorte, Camilla Parker Bowles, na série da Netflix, “Harry & Meghan”, no livro escrito pelo príncipe, “O que sobra”, e em entrevistas.

A decisão foi aparentemente difícil para o rei, principalmente porque ele estava ansioso para que não houvesse ainda mais desentendimentos entre ele e o filho mais novo.

Segundo o jornal The Mirror, acredita-se que Charles III entendeu que Harry havia “cruzado a linha” após as alegações. O rei teria ficado indignado especialmente com as acusações de que Camilla foi responsável por vazar histórias da monarquia para a mídia.

Em entrevista ao jornalista Anderson Cooper no dia 8 de janeiro, no programa “60 Minutes”, o príncipe ainda se referiu à madrasta como “vilã” e “perigosa”, e que Camilla era a terceira pessoa no casamento de Charles e Diana, sua mãe.

“Ela era a vilã, a terceira pessoa no casamento. Ela precisava reabilitar sua imagem”, disse Harry. “Havia uma vontade aberta de ambos os lados (imprensa e Camilla) para a troca de informações. Com uma família construída na hierarquia, e ela no caminho para ser rainha consorte, haveria pessoas ou corpos deixados na rua por causa disso”.

Fontes do The Mirror afirmaram ainda que as acusações causaram danos irreparáveis ​​ao relacionamento de Harry com seu pai e irmão, o príncipe William. “Foi a gota d’água. Harry estava bem ciente de como Camilla seria uma ‘linha vermelha’ para seu pai e ele a cruzou com desrespeito. O rei sentiu, sem dúvida, que passou dos limites”.

O monarca emitiu um aviso a Harry e Meghan na terça-feira para desocupar a mansão de cinco quartos em Windsor Estate, algo que foi apoiado por Camilla e por William e Kate. O processo de despejo começou em 11 de janeiro, um dia após o lançamento da biografia de Harry.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Variedades

Bruce Willis aparece pela primeira vez depois de diagnóstico de demência frontotemporal
“Vivemos uma epidemia de dor na coluna, e com os mais jovens”, diz neurocirurgião
Pode te interessar
Baixe o app da TV Pampa App Store Google Play