Terça-feira, 16 de agosto de 2022

PDT define vice-prefeita de Salvador para chapa de Ciro Gomes

O PDT definiu o nome da vice-prefeita de Salvador, Ana Paula Matos, como candidata a vice-presidente de Ciro Gomes na disputa eleitoral deste ano.

A informação foi confirmada nesta sexta-feira (5) pelo presidente nacional do partido, Carlos Lupi, que participa de reunião da executiva nacional da legenda.

O PDT chegou a avaliar também os nomes da deputada estadual Juliana Brizola (RS) e da ex-reitora da USP (Universidade de São Paulo) Suely Vilela.

Como em 2018, Ciro vai à disputa presidencial com uma chapa puro- sangue. O partido chegou a negociar com o PSD e com o União Brasil, mas não teve êxito.

Ex-governador do Ceará, Ciro Gomes disputa a Presidência pela quarta vez (também concorreu em 1998, 2002 e 2018) e nunca chegou ao segundo turno.

Aposentadoria

Ciro Gomes afirmou que, caso não vença a eleição, esta será sua última campanha. “Esta é a razão pela qual eu, pela quarta vez, tento ser presidente do Brasil. Claro que, desta vez, chega […] porque, se eu não ganho agora, vou botar minha viola no saco, porque eu virei o bicho falante, o chato, o destemperado”, afirmou.

Ciro também disse que se o petista vencer a disputa em outubro será “o maior estelionato eleitoral” da história. O ex-ministro também criticou intelectuais e artistas que já declararam apoio à candidatura do adversário petista.

“Não estou pedindo voto para mim não. Eu estou dizendo o seguinte: como a gente pode permitir que o melhor da sociedade, juventude, movimento intelectual, os artistas vão aceitar que o Lula entre para uma eleição?”, questionou.

Ciro disse ainda que há uma imensa maioria que está calada, “porque o ambiente de lacração, de cancelamento, de grosseria, de violência política, não é só o (presidente Jair) Bolsonaro que promove”. Segundo ele, o comportamento da militância do “gabinete de ódio do PT e do Lula é um dos mais fascistas e execráveis do Brasil”, criticou. “Lula fica posando de bonzinho, mas a canalhice, a falta de respeito, a falta de escrúpulo, os insultos, as agressões, as mentiras que ele promove no Brasil são tão graves quanto aquelas que o Bolsonaro promove”, completou.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Política

Presidente Jair Bolsonaro testa positivo para covid
Patrimônio do ex-presidente da Câmara dos Deputados Eduardo Cunha aumenta 755% em oito anos
Pode te interessar
Baixe o app da TV Pampa App Store Google Play